Central de Vendas 11 3251-3962

Constitucionalismo Brasileiro e o Atlântico Negro

Mais informações
Autor:
Marcos V Lustosa (veja mais livros deste autor)
Editora:
LUMEN JURIS(veja mais livros desta editora)

De: R$ 85,00 Por: R$ 64,60 Em 2x de: R$ 32,30

Comprar
Sob Encomenda: com previsão de postagem em até 3 dia (s) útil (eis).
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 64,60 sem juros
  • 2x de R$ 32,30 sem juros
Avalie:

Com o livro CONSTITUCIONALISMO BRASILEIRO E O ATLÂNTICO NEGRO, Marcos Queiroz nos oferece uma historiografia constitucional atlântica, que permite que a primeira experiência constitucional brasileira seja revisitada pelas insuficiências e silenciamen tos das narrativas tradicionais, construídas sob as bases do racismo epistêmico e pelas lentes metodológicas da branquitude. O texto oferece uma chave de compreensão que possibilita o enfrentamento das dimensões constitutivas do racismo na moderni dade, os efeitos do deslocamento e da violência sobre o povo negro em diáspora, tomando sua secular capacidade de reexistência como elemento central de análise. Honrando a linhagem de intelectuais negros comprometidos com o tratamento do negro- vida, Marcos Queiroz identifica no medo, na vigilância e na liberdade racialmente marcada os traços fundacionais do haitianismo constituinte de 1823. Trata-se de uma obra de leitura obrigatória, não apenas porque desafia o pacto narcísico da dogmática constitucional brasileira, mas principalmente porque possibilita o fortalecimento de um constitucionalismo ladinoamefricano. Conforme palavras do autor, o temor do Haiti representa a inscrição da branquidade nas raízes do constitucionalismo brasileir o e estrutura sua identidade ao longo da história, na medida em que permeia e se vincula às narrativas oficiais, às práticas das elites, à reprodução do aparato burocrático, às dinâmicas de controle social, às formas de administração de genocídios e aos instrumentos jurídico-políticos de demarcação subalternizante da raça . Dando voltas em sentido anti-horário na Árvore do Esquecimento, reconstrói nossa memória negada, ratifica o compromisso com a defesa absoluta de nossa humanidade e entoa e m pretuguês a frase tida como marco inaugural da Revolução Haitiana: escutem a voz da liberdade que fala no coração de todos nós . Thula Pires - Professora de Graduação e Pós-graduação e Coordenadora-Adjunta de Graduação do Departamento de Direito da PUC-Rio.

Código de barras:
9786555106718
Dimensões:
1.30cm x 16.00cm x 23.00cm
Edição:
3
Marca:
LUMEN JURIS
Idioma:
Português
ISBN:
9786555106718
ISBN13:
9786555106718
Número de páginas:
246
Peso:
340 gramas
Ano de publicação:
2022
Encadernação:
BROCHURA